– PALAVRAS SOLTAS

 

ENTRE A FANTASIA

A REALIDADE SEMINUA

DESCALÇA

APONTA SEI LÁ O QUE

TALVEZ A PORTA

TALVEZ A RUA

OU A PORTA DA RUA.

SERÁ QUE EXISTE ARESTA?

OU UMA FRESTA?

DE ONDE VIRÁ O RAIO DE SOL?

ARDÊNCIA

QUERÊNCIA

PAIXÃO.

VÁ MAIS ALÉM

VEM CÁ TAMBÉM

AQUI ESTÁ O HOMEM

SUA LONGA NOITE

NEM SEMPRE NATAL

NEM SEMPRE PRÍNCIPE

MAS AQUI ESTÁ E

LÁ LONGE

NAS ENTRANHAS DO SER

TOCAM CORDAS

DESAFINADAS DE UM CORAÇÃO.

 

Dezembro de 1988.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: